Dicas de viagem para Singapura: o que conhecer na cidade

01/10/2014

Dicas de viagem para Singapura: como planejar a aproveitar a sua viagem!

Essa foi minha segunda viagem para Singapura. Tive o privilégio de conhecer a cidade em 2009 com a minha irmã. É muito bom poder voltar a um destino que gostamos. Eu sempre tenho a sensação de estar apreciando melhor e entendendo um pouco mais da cidade e das pessoas. Principalmente quando retorno com alguém que esta indo pela primeira vez! Como foi o caso de Singapura. Era a primeira vez do meu marido não só em Singapura como na Ásia! Foi incrível presenciar essa experiência dele. Trocar opiniões, levar para lugares que já conhecia e ver a reação de um novato de Ásia. Por ser uma cidade tão internacional e aberta, considero Singapura uma ótima porta de entrada nesse mundo que tem tanto a ser descoberto e explorado principalmente por nós brasileiros .

Hotéis de luxo em Singapura

Dicas de viagem para Singapura

Qual é a língua falada em Singapura? Descubra o que é Singlês

É incrível a quantidade de pessoas de fora e de outras influências mundiais que a cidade recebe. A começar pelo idioma. O governo de Singapura reconhece como oficial quatro! Mandarim, tâmil, malaio e inglês.  Sendo o malaio o idioma nacional e o inglês para negócios, mas também é possível notar o conhecido localmente como o “singlês” que seria uma versão do inglês coloquial de Singapura.

O idioma juntamente com a modernidade da cidade reflete na quantidade de turista e imigrantes. A facilidade de ir e vir com todas as placas e pessoas falando em inglês faz as vezes você até esquecer que esta na Asia.

Singapura possui um dos maiores PIBs do planeta e é sem dúvidas uma das cidades mais modernas que já fui. Como estávamos visitando a cidade bem no final da Formula 1 tive dificuldade para reservar hotel e tivemos que ficar em dois hotéis diferentes. O Pan Pacific e o Marina Bay Sands. Acabou sendo maravilhoso porque o Pan Pacific foi melhor para ver a Formula 1 devido sua localização e o Marina também pela sua localização foi ótimo para fazermos turismo e compras onde queríamos.

Os pontos mais importantes para quem esta indo para Singapura ou principalmente para Ásia pela primeira vez seria começar um passeio turístico por Chinatown e em seguida para o Little India e Kampong Glam. Você poderá conhecer de perto um pouco mais desse mundo, cultura, souvenirs e principalmente comida. Não tenha medo de sentar em uma mesinha de rua em um restaurante no Chinatown e comer uma verdadeira e deliciosa receita de comida asiática. Só não esqueça de pedir NO SPICY caso não goste de comida muito apimentada. Conheça o templo Thiam Hock Keng e o Buddha Tooth relic. Vá a Kampong Glam e visite o Sultan Mosque. Depois dessa pequena introdução ao mágico mundo asiático você já pode seguir e conhecer a tão moderna e verde Singapura e observar todas as  influências de outros países da cidade. Isso é o que me faz gostar de Singapura, esse mix de influências chinesa, indiana e lindos edifícios coloniais britânicos com estruturas modernas e futuristas em meio a muito muito verde! É impossível não ficar encantada!

Comendo comida tailândesa em Chinatown!

Comendo comida tailândesa em Chinatown!

Chinatown's Temple of the Buddha Tooth Relic

Chinatown’s Temple of the Buddha Tooth Relic

Templos budistas em Singapura

Meu lugar favorito na cidade foram os “Gardens by the Bay” e todas as suas atrações  turísticas em Singapura como: Flower Dome, Dragonfly lake e principalmente de Supertree Grove. No flower dome é possível ver réplicas de jardim com flores e plantas de diversas regiões do mundo todo, inclusive desérticas. No “Cloud Forest” possui uma montanha de 35m de altura coberta com plantas e até a maior cachoeira “interna”do mundo. Fomos durante o dia e caminhamos por tudo e como estávamos hospedados no Marina Bay Sands que tem uma passagem que liga ao Garden também fomos à noite na parte externa para ver o efeito com as luzes. Valeu muito à pena! É como estar em um mundo como no filme “Avatar” não deixe de ir! Só é cobrado a entrada para o Flower Dome e para o Cloud Forest, que mesmo não tendo fila para comprar ingresso quando fomos sempre aconselho comprar online (site informado abaixo), já para visitar o jardim e o Supertree Grove a entrada é livre. Para quem esta planejando ir com criança tem uma área como um jardim aquático bem legal para elas.

SuperGroove Tree

SuperGroove Tree

SuperGroove Tree e o hotel Marina Bay Sands

SuperGroove Tree e o hotel Marina Bay Sands

SuperGroove Tree e o hotel Marina Bay Sands

SuperGroove Tree e o hotel Marina Bay Sands

Flower Dome em Singapura

Flower Dome

Dicas de passeios turísticos pelos jardins de Singapura

Flower dome

Dicas de passeios românticos em Singapura

Flower Dome

Cloud Forest em Singapura

Cloud Forest

Cloud Forest e Flower Dome em Singapura

Cloud Forest e Flower Dome

Dicas de passeios românticos à noite em Singapura Passeios para casais em Singapura Atrações turísticas em Singapura O que visitar em Singapura

Também visitamos outros lugares como a Orchad road com suas lojas e shoppings uma dica para os amantes de sorvetes é experimentar o sorvete de rua local. Encontramos vários enquanto caminhávamos pela Orchad Road o sorvete é comum a diferença é que é servido como sanduíche, detalhe que as fatias de pão são coloridas! Todas as vezes que vimos um carrinho estava com fila, desnecessário perguntar se o pessoal gosta.

Sanduíche de sorvete em Singapura

Também o Museum of Contemporary Art (super recomendo) e o ArtScience Museum, que possui o formato de uma orquídea gigante, quando fomos estava tendo uma exposição de fotos de Annie Leibovitz e caminhamos por Clarke Quay. Também fomos no shopping The Shoppes como fica muito próximo do hotel que estávamos (Marina) fomos tomar um chá à tarde em uma casa de chá bem tradicional lá. Caso você goste de chá e mesmo que não tenha para dar uma paradinha por lá é possível comprar os chás para levar para casa, legal também para quem quiser dar de lembrança para alguém algo de lá.

ArtScience Museum de Singapura

ArtScience Museum

TWG Casa de chá em Singapura

TWG Casa de chá

Para quem quiser ver a vista aérea de Singapura, tem a roda gigante e também um observatório no hotel Marina Bay Sands. Achei mais legal no hotel, porque na roda gigante tem o vidro e as fotos não ficam tão legais. Mesmo que não esteja hospedado no hotel é possível visitar o observatório pagando a entrada. O pôr do sol em Singapura é lindo! Para quem quiser visitar a roda gigante que é a maior do mundo também é possível jantar na cápsula. O Sky Dining dura 6o minutos ( 2 voltas completas da roda gigante).

Vista aérea de Singapura

Mirante do Marina Bay Sands em Singapura

Bebê gigante visto do mirante do Marina Bay Sands

Observatório no hotel Marina Bay Sands

Conhecer Singapura é muito fácil a cidade é muito bem sinalizada e o metro ultra moderno. Inclusive possui um sistema bem diferente de muitas cidades. Você compra sua passagem indicando qual será sua estação de destino. Caso você desça em uma estação posterior a indicada inicialmente, é descontado automaticamente do seu cartão o valor à mais referente e se você descer em uma estação anterior é creditado o valor no seu cartão. O sistema é muito justo, dessa forma você paga pelo que realmente percorreu e não por uma tarifa fixa independente da distância, como é cobrado na maioria das cidades do mundo. Falando em transporte, Singapura foi a primeira cidade do mundo a implantar o sistema de pedágio urbano e outra forma de restringir o fluxo de veículos nas ruas são os impostos para adquirir não só um automóvel como também a licença para dirigir, esses impostos são cobrados gradualmente ano a ano do proprietário. Portanto, ter um carro em Singapura com tantos impostos e com um sistema de transporte tão eficiente é literalmente um luxo para poucos e um exemplo a ser seguido por nós brasileiros que sofremos tanto no trânsito! A cidade, os cidadãos e a natureza agradecem!

Entrada do metrô com relojoarias renovadas como Rolex, Patek Philippe entre outras...

Entrada do metrô com relojoarias renovadas como Rolex, Patek Philippe entre outras…

Como é o trânsito em Singapura

Radar de Singapura

Sobre os dois hotéis que ficamos em Singapura, os restaurantes mais renomados da cidade e a Fórmula 1 em Singapura farei um post separado. Aguardem! 😉

Segue abaixo uma lista de sites úteis:

Gardens By the Bay

ArtScience Museum

Moca

Marina Bay Sands

Pan Pacific

Comentários no Facebook

Deixe um comentário

1 Comentário:Dicas de viagem para Singapura: o que conhecer na cidade

  1. toms 官網 台灣

    toms 官網 台灣